Imposto de Renda 2021 para investidores - SIR Investimentos

Sir Investimentos

Blog

Investidor, saiba o que declarar no seu imposto de renda 2021

Investidor, saiba o que declarar no seu imposto de renda 2021

Declaração de imposto de renda 2021 - SIR Investimentos

Se há um tema que costuma causar muitas dúvidas para os investidores é o imposto de renda 2021.
Afinal, como um investidor deve declarar o IR? O que exatamente é preciso declarar?
O Imposto de Renda teve o prazo para declaração estendido até o dia 31 de maio de 2021, devido à pandemia da covid-19.
O prazo ainda pode ser estendido novamente, até o último dia de julho, mas dependerá da sanção presidencial.
O fato é que todos precisam estar atentos para não perder esse prazo final e não correr o risco de problemas com a Receita Federal.
Pensando nisso, nós resolvemos trazer aqui esse artigo para mostrar a você, investidor, como declarar o imposto de renda no ano de 2021.
Acompanhe o texto até o final para saber tudo sobre o assunto!

Quem deve declarar o imposto de renda 2021?

A primeira coisa sobre a qual precisamos falar é a respeito de quem é obrigado a declarar o imposto de renda no ano de 2021.
Não são todas as pessoas que precisam declarar, mas apenas aquelas que se encaixam nas exigências da Receita Federal.
Isso faz com que seja muito importante você entender se encaixa-se em alguma das categorias que mostraremos a seguir, pois caso a resposta seja positiva, será preciso declarar o IR:

Se você teve rendimentos, não tributáveis ou tributados somente na fonte, que foram superiores a R$ 40 mil
Se você teve rendimento tributável igual ou superior ao valor de R$ 28.559,70
Se você é trabalhador rural e possui receita brutal anual que seja superior a R$ 142.798,50
Se você obteve um ganho de capital sobre a alienação de bens e de direitos no ano de 2020
Se você, até o fim do ano 2020, passou a ter a posse de bens ou de direitos com valores superiores a R$ 300 mil
Se você realizou operações dentro da bolsa de valores, de mercadorias, de futuros ou qualquer uma semelhante
Se você pretende obter a compensação de perdas e prejuízos do de 2020 ou de anos anteriores, que estejam relacionados com a atividade rural

Dessa forma, caso você se enquadre em qualquer uma dessas categorias, torna-se obrigatória a declaração do imposto de renda 2021.

Qual alíquota de imposto de renda pagar?

Uma outra dúvida comum a respeito do tema é sobre qual alíquota de imposto de renda irá incidir no valor a ser pago por você.
Essas alíquotas devem sofrer atualizações anuais, por conta da inflação no país, mas elas não passam por essa mudança já faz alguns anos.
As alíquotas levam sempre em consideração os rendimentos que são tributáveis dos contribuintes, para assim definir quanto eles irão ter que pagar de IR.
A seguir, veja uma lista com os valores atuais das alíquotas:

Quem teve rendimentos de até R$ 22.847,76: é isento do IR
Quem teve rendimentos entre R$22.847,77 e R$ 33.919,80: a alíquota é de 7,5% e as deduções de R$ 1.713,58
Quem teve rendimentos entre R$ 33.919,81 e R$ 45.012,60: a alíquota é de 15% e as deduções de R$ 4.257,57
Quem teve rendimentos entre R$ 45.012,61 e R$ 55.976,16: a alíquota é de 22,5% e as deduções de R$ 7.633,51.
Quem teve rendimentos superiores a R$55.976,16: a alíquota é de 27,5% e as deduções de R$ 10.432,32

Quais investimentos é preciso declarar no imposto de renda?

Agora vem um ponto extremamente importante sobre o assunto, que é quais são aqueles investimentos que precisam ser declarados?
Você precisa saber disso para documentar todos os investimentos que estejam em sua carteira, evitando qualquer tipo de problema posterior com a Receita Federal, a famosa malha fina.
Qualquer movimentação que você tenha feito na Bolsa de Valores precisa sim ser colocada na declaração do IR 2021. No entanto, é importante ficar atento a algo: nem todas as negociações e os lucros que você obteve investindo no mercado de ações vão ser taxadas, existem diversas movimentações isentas de imposto.
O pagamento do imposto é obrigatório, como mostramos antes, sempre que os rendimentos tributáveis forem superiores ao valor mínimo de R$ 28.559,70 e que os valores não tributáveis tiverem sido superiores a R$ 40 mil.
A seguir, nós mostramos uma lista com os investimentos que você deve declarar no imposto de renda 2021, quando atenderem a essas particularidades:

Investimentos de renda fixa: debêntures, Tesouro Direto, LC (Letras de Crédito), CDB e RDB
Investimentos de renda variável: day trade, ações, fundos imobiliários, criptomoedas, Juros sobre capital próprio (JPC), Exchange Trade Funds (ETF) e Brazilian Depositary Receipts (BDR)
Fundos de investimentos
Previdência Privada
Investimentos realizados no exterior

Sabendo disso, agora você já pode declarar os investimentos que se encaixam no IR em 2021, mas antes é necessário entender alguns pontos:
O primeiro é que as aplicações de renda fixa e de renda variável são consideradas “bens”, assim, você deve fazer a informação sobre elas no Programa de Declaração da Receita Federal, existente na plataforma da Receita.
É importante também saber que cada investimento possui suas particularidades quando em relação aos tributos a serem pagos e aos códigos para fazer o lançamento deles na base de declaração.
Assim, você precisa ter em mente que:

Os investimentos tributáveis devem ser declarados na seção chamada “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”
Os investimentos não tributáveis devem ser declarados na seção chamada de “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”.

Conclusão

Como você viu, é muito importante para o investidor saber exatamente como deve ser feita a declaração do imposto de renda, evitando assim qualquer problema com o fisco.

Neste texto, a equipe da SIR Investimentos explicou a você tudo o que há de mais essencial sobre o tema, como quem precisa declarar, quais os impostos que necessitam ser declarados e onde fazer essa declaração.
Com essas informações, você terá muito mais facilidade para fazer tudo da maneira correta e de forma mais fácil.

Compartilhe esse artigo

SOBRE A SIR INVESTIMENTOS

Alguma dúvida de como investir no mercado financeiro? Pode parecer um mito, mas muitos ainda sentem insegurança na hora de investir, sem saber qual o melhor caminho e qual o nível de risco de cada investimento.

Sabemos que cada investidor tem um perfil, seja pessoa física ou jurídica, Nosso atendimento exclusivo, feito por assessores certificados, com alta capacidade de avaliação de perfis e conhecimento de mercado, permite que possamos maximizar as opções de investimentos com precisão na avaliação de resultados.

Hoje, a SIR Investimentos, atua online em todo Brasil, com escritórios físicos na região Nordeste, atingindo um patamar de mais de 1 bilhão de reais em ativos sob custódia, sendo um dos maiores agentes autônomos da XP Investimentos no país. Esta marca se justifica por toda a solidez alcançada e credibilidade de mercado.

Confiança tem nome – SIR Investimentos

    Endereço

    SIR Investimentos - João Pessoa
    Av. Nego, 270
    Tambau - CEP 58039-100


    SIR Investimentos – Natal
    Av. Campo Sales, 901, Manhattan Business - Sala 1212
    Tirol - CEP 59020-300


    SIR Investimentos – Recife
    Av. República do Líbano, 251, sala 2612,
    Torre C Empresarial Rio Mar Trade Center,
    Pina - CEP 51110-160


    SIR Investimentos - Caruaru
    Av. Agamenon Magalhães, 444,
    sala 102, 6 andar
    Empresarial Difusora
    Maurício de Nassau - CEP 55012-290


    SIR Investimentos - Mossoró
    Av. João Da Escóssia,176 Sala 06
    CEP 59607-330


    Telefone

    (83) 3247-2432 - João Pessoa/PB

    (84) 3026 0761 - Natal/RN

    (81) 3034-7946 - Recife/PE

    (81) 99966-9986 - Caruaru/PE

    (84) 2142-5319 - Mossoró/RN

    Email

    atendimento@sirinvestimentos.com